Encorajamento

Recebi essa mensagem por email. Aproveitem:

ENCORAJAMENTO

Hebreus 3:12-13

Cuidado, irmãos, para que nenhum de vocês tenha coração perverso e incrédulo, que se afaste do Deus vivo.

Ao contrário, encorajem-se uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama "hoje", de modo que nenhum de vocês seja endurecido pelo engano do pecado,


Encorajar uns aos outros é sinônimo de: animem-se uns aos outros. Consolem uns aos outros. Encorajar uns aos outros é um tríplice ministério em que: devemos exercer uma pressão positiva uns sobre os outros no sentido de praticarmos os princípios da palavra; devemos nos animar uns aos outros por meio do que a Bíblia diz e igualmente nos consolar uns aos outros ao aplicarmos as verdades da Bíblia aos nossos problemas. O encorajamento é um ministério positivo, não de correção ou disciplinar.
Na hora de exortar não pode existir o desejo de prejudicar, criticar ou irritar; e sim, o de animar e estimular. A atitude para exortar deve ser pelo amor do Espírito (Rm 15:30); pela mansidão e vontade de Cristo (2 Co 10:1); como um pai a seus filhos (1 Ts 2:11-12a); ou como um filho a seu pai (1 Ts 5:1) com toda paciência e ensino (2 Tm 4:2).
Como cristãos precisamos da ajuda dos irmãos em nosso viver diário. Pode ser que o irmão seja pressionado a fazer o que é certo, animado ou consolado. Essa palavra deve ser sempre dada de acordo com a necessidade (Ef 4:29). Por isso devemos pedir sabedoria ao Espírito Santo para cada situação específica.

Ore: Levanta, Senhor, pessoas encorajadoras nas igrejas e famílias. Primeiramente, peço-te que uses a minha vida como veículo de bálsamo espiritual aos que choram. Amém.

Pense: Para poder encorajar outro irmão, você terá que se envolver ativamente na vida desse irmão.

Via: Fabiana Campos

0 falatorios para esse texto:

Postar um comentário